Las Vegas

p1030807
O primeiro post vai ser sobre essa cidade MARAVILHOSA que visitei em Janeiro/2017.

Roteiro: Las Vegas – Grand Canyon – Death Valley – Lee Canyon

Período: Janeiro 2017 – Duração: 10  dias

Nos hospedamos no hotel Hilton Grand Vacation On the Las Vegas Strip uma ótima opção para quem quer ficar na Strip, mas quer fugir da muvuca que os grandes hotéis com cassino possuem. É um hotel mais afastado fica ao norte da Strip, mas possui varias redes como CVS por perto e para quem tem disposição é possível passear pela Strip caminhando, exceto em programações noturnas que aí usávamos o carro, mas também tem serviço de taxi, uber… Ficamos em um quarto nem amplo com cozinha completa o que facilitava nosso café da manhã.

Como fomos em Janeiro e lá é  inverno nessa época do ano, pegamos frio e apesar de todo mundo dizer que em Vegas é raro chover pegamos dois dias de chuva. Gente apesar de sabermos que os ambientes são climatizados, quando digo frio é frio mesmo e quando tem vento é pior ainda, então não abra mão de levar um casaquinho junto.

Refeições

Como nosso quarto tinha cozinha, optamos por alguns dias comer em nosso hotel mesmo (Primeiro dia passamos no Walmart e compramos o que achávamos necessário para esses 10 dias, a atendente do caixa achou que era muita comida…Mas tivemos que voltar para reabastecer rsrs). Mas eu não abria mão de um dia jantar no restaurante do Buddy V’s, gente uma delícia e a porção é grandes tá?! Eu escolhi a lasanha e não consegui comer nem a metade. Mas Vegas também tem excelentes opções de buffets, eu fui no do Bellagio (almoço) e no Wynn (Jantar gourmet) e o meu preferido é o segundo. Só atentar para o horário até as 15:00 é considerado almoço, após já é considerado jantar o que torna o preço um tantinho mais salgado.

unadjustednonraw_thumb_299

Há quem diga que Vegas é a cidade das maiores festas e dos cassinos…Como essas não são muito a minha praia, vamos aos passeios :

A grande atração de Vegas com certeza são os muitos hotéis temáticos que existem lá, gente é um mais lindo que o outro, tantos detalhes, a grande diversão é passear por dentro deles pois grande parte dos hotéis são interligados e tem até trenzinho que leva de um hotel para o outro (achei o máximo), não são todos os hotéis mas vale da uma conferida antes, poupa um boa pernada rsrsrs.

Shows: existem dois shows gratuitos que todos devem assistir na strip o DAS FONTES DO BELLAGIO e o VULCÃO no The Mirage. Há muitas opções de shows em Vegas, fomos à três espetáculos do Cirque du Soleil , o Michael Jackson – one no Mandalay Bay, meu preferido sério tenho até arrepios só de lembrar,  The Beatles – Love no The Mirage e no “O”no Bellagio, esse também tem que ver gente muito diferente de tudo já visto na vida, o palco é uma piscina INCRÍVEL.

unadjustednonraw_thumb_2d4

FREEMONT STREET: A old town. A Freemont é a rua mais antiga de Las Vegas e fica localizada ao norte da Strip em Downtown. É uma rua reta e é só andar de uma ponta a outra para conhecer todo o local.  A rua é coberta por um teto de led, local onde acontece o VivaVision, um show incrível que ocorre de hora em hora a partir das 20:00, as imagens do teto se juntam a uma música super animada e então a diversão rola solta na Freemont Street.

unadjustednonraw_thumb_3b2

COMPRAS: Existem dois outlets em Vegas, localizados em cada ponta da Strip,  o Outlet Premium North e o Outlet Premium South, fomos somente no  Outlet Premium South por ser coberto. Além de existirem as lojas super grifadas dentro dos hotéis e shoppings pela Strip.

Grand Canyon: Minha idéia inicial era visitar o South Rim pois dizem que é a parte mais bonita do Grand Canyon mas como era muito longe para fazer um bate e volta que era o que queríamos fazer ficaria muito cansativo, então optamos pelo West Rim mesmo que fica a 195 km de Las Vegas, essa parte do Grand Canyon fica localizada uma reserva indígena e por isso não se submete ao regulamento rígido do parque, é nessa parte que fica localizada a skywalk, uma passarela de vidro que dá a sensação de estar caminhando no ar é o que dizem eu não peguei e não me arrependo nadinha. Como fomos de carro, estacionamos no bolsão e fomos ao pavilhão onde são vendidos os ingressos, você pode optar pelo passeio de ônibus ou de helicóptero, fomos de ônibus mesmo e ainda não sei se gostaria de fazer o do helicóptero….Existem três paradas como ônibus passando frequentemente, acho que a cada 15 minutos. Bom todas aquelas palavras clichês: MARAVILHOSO, INCRÍVEL, LINDO, são usadas para descrever a sensação de estar em um lugar desse, mas a verdade é que só sentindo mesmo a energia do local para entender…Tá ai um lugar que todo mundo deveria conhecer antes de morrer.

P1030547.JPG

Death Valley: O Death Valley Park na Califórnia é um dos lugares mais quentes do planeta e é um parque nacional com paisagens MARAVILHOSAS. A viagem de Las Vegas até o Death Valley é de aproximadamente duas horas, fizemos um bate e volta e  visitamos os pontos principais do parque. Uma dica, levem água, comidinhas, porque as opções são escassas e necessitam de uma boa logística visto a imensidão do parque e as opções ficam bem distante.

p1030661

Mount Charleston: Opção de ski em Las Vegas, gente meu marido é apaixonado por snowboard e vive querendo fazer uma viagem com esse intuito, eu nunca me aventurei, então ele descobriu essa opção em Vegas e ficou MALUCO, então reservamos um dia para visitarmos a estação Lee Canyon no Mount Charleston, fica a 50 milhas de Vegas é uma viagem rápida e vale a pena conferir.

p1030647

Hoover Dam: A represa de Hoover Dam fica localizada entre os estados de Nevada e Arizona, é uma represa gigante. Foi criada para controlar as águas do Rio Colorado e para abastecer a cidade de Las Vegas que fica no meio do deserto e depende 100% da represa para seu abastecimento de água. A represa está localizada a cerca de 50 km de Las Vegas e uma ótima opção de passeio. Opção também para quem está viajando de carro para o Grand Canyon, pois está localizada no meio do caminho. Estacione no bolsão e caminhe por toda a represa (Nós locamos o carro em um estacionamento logo na entrada, mas existe esse bolsão que é grátis).

p1030800

High Holler: É uma atração cara, visto que você aproveita só por meia hora, mais a vista lá de cima é linda. Escolhemos ir a noite para ver a cidade toda iluminada e fiquei ENCANTADA é lindo!

unadjustednonraw_thumb_392